Notícias

Comércio paulistano cresce e tem maior pontuação desde janeiro de 2015

Categoria: Notícias do Setor

O comércio paulistano cresceu em novembro deste ano e teve melhores resultados desde janeiro de 2015.

O comércio paulistano cresceu em novembro deste ano e teve melhores resultados desde janeiro de 2015.

Shutterstock

Foi o que apontou o Índice de Expansão do Comércio (IEC) do mês de novembro, registrado pela FecomercioSP, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, divulgado nesta sexta-feira, 24.

O Índice mede a propensão a investir, seja contratando empregados, comprando equipamentos, reformando ou abrindo novas lojas. O resultado deste mês foi de 99,4 pontos, 14,5% do que novembro de 2016.

Investimento

O nível de investimento das empresas (um dos componentes da pesquisa e que sinaliza se o empresário está ou não disposto a investir em novas instalações ou equipamentos) aumentou 3,2% em relação a outubro. A pontuação foi de 76,2 para 78,7 pontos neste mês. Na comparação anual, houve aumento de 24,3%. Já as Expectativas para contratação de funcionários teve queda de 0,4% na comparação com mês passado.

Para fazer o índice a Federação consultou informações de cerca de 600 empresários da cidade de São Paulo.

Causas

Para a FecomercioSP o varejo continua a ser a porta de entrada do mercado de trabalho. “A recuperação do emprego, os novos investimentos esperados para 2018 devem recolocar a economia nos trilhos e acelerar as taxas de crescimento tanto do consumo, quanto de investimento geral e PIB”, afirmou a Federação em nota.

A entidade disse ainda que a tendência de recuperação da confiança dos empresários do varejo reforça a intenção de se investir, o que deve ganhar ainda mais corpo em 2018. “Por enquanto, a tendência é contratar mais do que ampliar a capacidade física da empresa”.