Comitês e Grupos de Trabalho

Comitês e Grupos de Trabalho

O varejo de moda enfrenta desafios comuns e a união entre as redes para encontrar soluções tem sido o caminho trilhado pela ABVTEX, por meio da criação de Comitês e Grupos de Trabalho.

As associadas elegem os temas e representantes para compor estes comitês e grupos de trabalho com o objetivo de promover o diálogo e o compartilhamento de experiências e iniciativas em prol do desenvolvimento do varejo de moda e da cadeia de valor.

Comitê Jurídico

Comitê que reúne os líderes das áreas jurídicas das varejistas para debate e alinhamento das questões legais no âmbito nacional e regional. Para fortalecimento dos pleitos e temas desenvolvidos neste grupo, a ABVTEX busca aproximação com os atores do Governo e entidades de classe do setor.

GT Fornecedores

A principal atuação deste GT é voltada à Responsabilidade Social na Cadeia de Fornecimento e tem como principal objetivo o desenvolvimento do Programa ABVTEX no apoio à formalização das empresas e combate ao trabalho análogo ao escravo e infantil. Diante da crescente temática de Fornecimento Responsável, inúmeros investimentos e esforços foram concretizados ao longo dos últimos anos tais como:

Melhorias no Sistema de Informação do Programa

Desenvolvimento de soluções de Tecnologia da Informação (TI) para robustecer e otimizar a plataforma de software do Programa com novos módulos, performance e relatórios.

Novo Regulamento e check-list

Em prol do fortalecimento do Programa, houve a implantação do novo Regulamento e atualização do check-list.

Projeto de Diagnóstico da Certificação

Trabalho aprofundado de pesquisa com entrevistas estruturadas (qualitativas e quantitativas) com os stakeholders envolvidos no Programa. Análise de benchmarking com as práticas atualmente aplicadas perante os programas de maior referência no mundo.

Treinamento e Qualidade das Auditorias

Investimentos na gestão das auditorias realizadas no programa da ABVTEX visam promover a melhoria qualitativa nos processos, tanto para maior controle e rastreabilidade, quanto para qualidade do trabalho dos auditores. São realizados treinamentos presenciais e à distância com auditores para alinhamento no entendimento dos critérios e requisitos do Programa e a implantação do Manual de Auditorias.

Workshops

CEOs e representantes das empresas signatárias têm se reunido para a construção conjunta do planejamento estratégico do Programa ABVTEX para os próximos cinco anos. Auditores também participaram de workshops de alinhamento de auditorias.

GT Qualidade & Sustentabilidade

Os esforços relacionados aos aspectos sustentabilidade e qualidade de produto e de toda a cadeia têxtil são visíveis:

Segurança Roupa Infantil

Participação ativa na criação da NBR de segurança de roupa infantil, regulamentada em 2015 (ABNT NBR 16365). Diálogo constante com a ABNT em busca da atualização da Norma.

Padronização de Medidas de Corpo

Intensificação das discussões em torno da padronização de medidas. O grupo atua decisivamente nesta questão ao apresentar propostas de melhorias e participar da construção de normas específicas, que se adequem às expectativas do varejo, em conjunto com outras entidades como ABIT e ABNT.

Norma de Uso de Substâncias Químicas

O GT participou ativamente na liderança desta iniciativa e aportou conhecimento técnico para a criação da Norma voluntária na utilização das substâncias químicas a serem adotadas por empresas do setor têxtil brasileiro, que se aplica a matérias-primas e produtos acabados para consumo local.

Projeto: Melhoria Contínua de Fornecedores

Este projeto está sendo estruturado dentro do GT com o objetivo de qualificar setorialmente fornecedores das varejistas associadas em seus processos produtivos e sistemas para a qualidade de produtos.

GT Comércio Exterior

Este Grupo de Trabalho defende a desburocratização do processo de importação e a manutenção de um mercado aberto ao comércio internacional. Discute ações relevantes que possam impactar positivamente as operações internacionais dos varejistas e evitar a criação de novas barreiras à importação de artigos de moda. O comitê monitora questões que podem impactar o fluxo de mercadorias importadas das empresas varejistas e provocar desabastecimento de algumas categorias de produtos.